FONOAUDIOLOGIA

É através da comunicação que a criança começa a explorar o seu mundo e interagir com ele. Qualquer alteração ou dificuldade nessa área pode afetar todo o seu desenvolvimento e, consequentemente, afetar também o seu convívio com familiares e amigos. Essa dificuldade também pode se desenvolver, por diversas razões, também durante a vida adulta
A Fonoaudiologia busca, através de suas terapias e orientações, trazer a autonomia e qualidade de vida necessária ao ser humano, atuando ainda com aspectos da linguagem oral, gestual, escrita, cognitiva, afetiva e social.
Em nossa clínica trabalhamos com a linguagem em seus diversos aspectos, ativo e receptivo, oferecendo aos nossos pacientes as condições para que eles conquistem excelentes prognósticos durante o tratamento.
 


Atuamos nas seguintes especialidades fonoaudiológicas:

- Motrocidade oral
- Apraxia da fala
- Linguagem oral e escrita
- Fonoaudiologia educacional
- Processamento auditivo central

Sinais de alerta


Coordenação motora fina: 
- Dificuldade de preensão do lápis;
- Dificuldade de graduação da força na escrita;
- Letra ilegível e lentidão escrita;
- Dificuldade com manuseio da tesoura;
- Dificuldade em manipular as ferramentas, como faca, garfo, colher;
- Dificuldade para amarrar os sapatos, fazer botões(abotoar e desabotoar),abrir/fechar ziper, desembrulhar uma bala, abrir um pacote de biscoito, enroscar e desenroscar, utilizando utensílios domésticos;

Coordenação Motora Grossa e Lateralidade:
- A criança é “desastrada”, Confunde os movimentos de esquerda e direita;
- Falta de equilíbrio;
- Pobre habilidade com bola;
- Medo dos pés saindo do chão;
- Dificuldade de coordenação de ambos os lados;

Problemas de Integração Sensorial:
- Reação excessiva hiper ou hipo sensíveis para som, toque ou movimento;

Dificuldade de aprendizagem:
- Incapaz de se concentrar e focar sua atenção em uma atividade;
- Dificuldade em seguir instruções;
- Fadiga com o trabalho escolar;
- Hiperatividade ;
Brincar:
- Dificuldade com brinquedos de encaixar, empilhar, montar e desmontar;
- Precisa de orientação de adultos para iniciar o jogo
- dificuldade de imitação;
- Não explora os brinquedos de forma adequada

O tratamento é indicado para apoiar a criança e sua família quando apresentar dificuldades em qualquer uma das seguintes áreas: motricidade grossa, motricidade fina, lateralidade, brincar, comportamento, sensorial, escola e Atividades de vida Diária (alimentação, higiene e vestuário).

TERAPIA OCUPACIONAL
 
 
PSICOTERAPIA

A psicoterapia tem como finalidade levar o ser humano a enfrentar seus conflitos psíquicos para ter uma melhor qualidade de vida. É um processo de autoconhecimento e amadurecimento. O terapeuta ajuda o seu cliente enfrentar seus conflitos emocionais e elaborar recursos psíquicos de enfrentamento. O terapeuta dá apoio e suporte emocional nessa fase de descoberta.
As queixas mais comuns são: ansiedade, depressão, estresse, fobias, vícios, lutos, crises conjugais, crises profissionais.
Também existe psicoterapia infantil conhecida como Ludoterapia. Através de jogos e brincadeiras, a criança expressa as suas emoções, conseguindo colocar para fora seus conflitos e dificuldades. Quem geralmente encaminha a criança para a Ludoterapia são: escola, médicos e por outros profissionais da área da saúde.
As queixas mais comuns são: dificuldade de aprendizagem, dificuldade de socialização, comportamentos inadequados (timidez, agressividade), insegurança, medos, transtornos alimentares.
 

Serviços oferecidos:

  • Psicoterapia  (adolescente e adulto)

  • Psicodiagnóstico e ludoterapia

  • Psicologia Perinatal (gestantes e puérpera)

  • Sessões semanais de 45 minutos!
     

T.O